Árbitro encerra a partida após ser agredido no rosto por assistente técnico; VÍDEO

·1 minuto de leitura

Cenas lamentáveis marcaram a partida entre Carpignano e Oleggio Castello, válida pela Primeira Categoria em Piemonte, na Itália, que ocorreu no último fim de semana. O árbitro Andrea Felis encerrou a partida depois de ser agredido no rosto pelo assistente Giovanni Alosi, do Carpignano, que o questionava antes de acertar os golpes.

Vestido de azul, o Oleggio Castello vencia por 2 a 0 a partida. Então, Giovanni começa uma sequência de reclamações ao árbitro, que não deixou passar batido e expulsou o assistente. Irritado, agrediu Andre Felis e viu o juiz encerrar a partida logo em seguida e o time rival sair com a vitória.

Leia também:

Alosi pediu demissão do cargo após a polêmica. Ele ainda será julgado pela Federação Italiana de Futebol pelas agressões contra o árbitro. 

- Foi um gesto feio e do qual eu pessoalmente me envergonho. Eu vi as imagens, mas não me reconheço. Só posso primeiro pedir desculpas ao árbitro, com quem tive a oportunidade de falar ao final do jogo e aos nossos rivais, por ter arruinado um jogo de futebol em que não deveria haver gestos violentos como o meu - declarou Giovanni Alosi.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos