Árbitro ignora desistência de lutador e quase permite linchamento no octógono; veja

Árbitro ignora desistência de lutador e quase permite linchamento no octógono; veja

Realizado na última sexta-feira (23), o Titan 56 contou com um erro grosseiro do árbitro central Jorge Alonso. No quinto duelo da noite, Landon Stewart nocauteou Calvin Glover em menos de minuto, em disputa que só chegou à marca oficial de 56 segundos disputados graças à faltaa de atenção do juiz.

Afinal, antes da luta ser interrompida, Glover sinalisou de forma expressiva em pelo menos três ocasiões que estava desistindo do confronto. Mesmo assim, o árbitro demorou para interromper as ações, dando a entender que não viu a sinalização do atleta derrotado e quase permitindo um linchamento no octógono.

Leia mais de MMA no Yahoo Esportes

Passado o combate, até mesmo o perfil oficial em redes sociais (veja abaixo ou clique aqui) do UFC Fight Pass, responsável pela transmissão online do evento, comentou o assunto e, em tom irônico, responsabilizou o árbitro pelo momento mais marcante da noite.

Hey ref… there is a fight going on. #TitanFC56

Props to @jimmysmithmma & @TitanFighting COO @lexmcmahonMMA for being on top of it. pic.twitter.com/pexdnqLl7S

— UFC FIGHT PASS (@UFCFightPass) August 24, 2019

Siga o Yahoo Esportes: Twitter | Instagram | Facebook | Spotify | iTunes |