Átila Iamarino: '2% de mortes é muito para um vírus que pega tanta gente'

Rafael Garcia
O biólogo Átila Iamarino em seu 'bunker', em São Paulo

O virologista Átila Iamarino, de 35 anos, explodiu na internet com um vídeo descrevendo um estudo que projetava 1 milhão de mortos no Brasil em razão do novo coronavírus. Criticado por uns por alarmismo, elogiado por outros por escancarar a severidade do problema, o cientista afirma que os números deixam muito claro que a a Covid-19 não é uma doença trivial. “Ter 2% de mortes é muito para um vírus que pega tanta gente”, afirma.

Em entrevista ao GLOBO, Átila explica por que faz um apelo ao público para ouvir a ciência com atenção, sem buscar usá-la apenas para atacar o governo chinês ou o presidente do Brasil.

Leia a matéria completa aqui