Âncora da CNN compara Trump a uma 'tartaruga obesa'

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Comentando o discurso do presidente dos EUA, Donald Trump, na noite da quinta-feira (5), o principal âncora do canal CNN, Anderson Cooper, comparou o presidente a uma "tartaruga obesa" com o casco virado para baixo, que tenta se endireitar sem sucesso. "Este é o presidente dos EUA. É a pessoa mais poderosa do mundo e o vemos como uma tartaruga obesa com o casco para baixo, se debatendo no sol quente e percebendo que a sua vez acabou", disse Cooper. "Mas ele não aceitou e quer afundar o país junto com ele." Em seu discurso, Trump acusou as eleições de terem sido fraudadas sem apresentar provas, e afirmou que os estados teriam contado "votos ilegais". Três emissoras de televisão -a ABC, CBS e NBC- interromperam a transmissão ao vivo como forma de impedir que a informação incorreta se espalhasse. "Nunca vimos nada parecido vindo de um presidente", comentou Cooper. "É triste e verdadeiramente patético, e claro que é perigoso e que ele vai ao tribunal. Mas vocês notaram que ele não apresentou prova alguma. Nada."