É #FAKE que Nostradamus fez profecia do novo coronavírus em livro de 1555

RIO - Circula nas redes sociais uma mensagem que diz que o médico francês Nostradamus, conhecido por suas profecias, publicou em um livro de 1555 versos que remetem à atual pandemia do coronavírus. É #FAKE.

O texto viral não consta das "Centúrias", as profecias de Nostradamus compiladas em dez conjuntos de versos, com cerca de 100 páginas.

Há, inclusive, um erro ortográfico nos versos traduzidos para o português.

O boato surgiu após uma publicação feita pelo cartunista argentino Cristian Dzwonik, o Nik, criador do gato Gaturro, um personagem satírico. Ele acabou recebendo diversas críticas pela brincadeira.

A mensagem falsa original foi postada em espanhol, em sua página nas redes sociais, e foi alvo de checagem de agências internacionais. O post do Facebook foi rotulado como "falso" pela plataforma e ganhou um aviso.

Procurado pelo G1, Nik não quis se pronunciar. Não houve resposta para contatos feitos em seu site, e-mail pessoal, Instagram, Facebook e Twitter.