'É um momento forte para mim', diz Dilma ao voltar ao Planalto

***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 21.11.2022: Coquetel da 20ª EDIÇÃO TROFÉU RAÇA NEGRA 2022 que neste ano homenageia 20 Mulheres, na Sala São Paulo no centro da cidade. Na foto, Dilma Rousseff (ex-presidente do Brasil). (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
***ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, 21.11.2022: Coquetel da 20ª EDIÇÃO TROFÉU RAÇA NEGRA 2022 que neste ano homenageia 20 Mulheres, na Sala São Paulo no centro da cidade. Na foto, Dilma Rousseff (ex-presidente do Brasil). (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - De volta ao Palácio do Planalto após sofrer o impeachment, em 2016, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) disse que o retorno era uma ocasião especial para ela.

"É um momento forte para mim. Me sinto muito bem", disse à coluna Painel, da Folha de S.Paulo, antes de acompanhar a posse do ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, nesta segunda-feira (2).

A um amigo com quem conversou no salão em que foi realizada a cerimônia, Dilma afirmou que estava "emocionada" com a volta de Lula à Presidência da República.

No evento lotado, a ex-presidente foi a pessoa mais aplaudida ao ser citada por Padilha.