Ômicron deve infectar mais da metade da população europeia em entre 6 a 8 semanas, diz OMS

·1 min de leitura
Diretor da OMS para a Europa, Hans Kluge, durante entrevista à Reuters em Bruxelas

COPENHAGUE (Reuters) - Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-feira o diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS) para o continente.

A Europa registrou mais de 7 milhões de novos casos de Covid-19 na primeira semana de 2022, mais do que dobrando o montante notificado em um período de duas semanas, disse o diretor da OMS para a Europa, Hans Kluge, em uma coletiva de imprensa.

"Neste ritmo, o Instituto de Métricas e Avaliação da Saúde prevê que mais de 50% da população da região será infectada com a Ômicron nas próximas seis a oito semanas", disse Kluge.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos