Ômicron está se espalhando entre pessoas acima de 50 anos, diz ministro britânico

·1 min de leitura
Secretário da Educação do Reino Unido, Nadhim Zahawi, do lado de fora da residência oficial do primeiro-ministro em Londres

LONDRES (Reuters) - A variante Ômicron do coronavírus está se espalhando entre as pessoas com mais de 50 anos, mas os dados não sugerem que mais restrições sejam necessárias devido à alta cobertura de imunização com doses de reforço em pessoas mais velhas, disse o secretário de Educação britânico, Nadhim Zahawi, nesta segunda-feira.

"Estamos vendo uma dispersão em pessoas com mais de 50 anos em termos de infecção", disse ele à rádio BBC. "Elas estão vacinadas com a dose de reforço --90% das pessoas acima de 50 anos estão com o reforço."

Ele disse que o governo avaliará a situação na Inglaterra na quarta-feira. "Não há nada nos dados no momento que me faça acreditar que precisamos ir mais além."

(Por Paul Sandle)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos