Única mulher na categoria, Emerald Fennell vence o Oscar de roteiro original

O Globo
·1 minuto de leitura

A premiação do Oscar 2021 já começou com uma grande história: única mulher indicada na categoria, Emerald Fennell venceu a estatueta de roteiro original por "Bela vingança". Ela superou um figurão da indústria, Aaron Sorkin, de "Os 7 de Chicago".

No discurso, ela brincou sobre o peso da estatueta e sua dificuldade de bolar um texto para o momento.

Aos 35 anos, Fennell assinou seu primeiro roteiro de longa-metragem exatamente em "Bela vingança", também dirigido por ela. Antes da carreira como cineasta, a britânica era conhecida por suas atuações como Camilla Parker Bowles na série "The crown", da Netflix.

Como roteirista, ela também fez episódios das séries "Killing Eve" e "Drifters".

Fennell ainda pode vencer mais um Oscar ao longo da noite, o de direção. "Bela vingança" disputa também o Oscar de melhor filme.