'Dinheiro é o esterco do diabo', diz papa Francisco em discurso



O papa Francisco foi bastante enfático ao relacionar, em audiência no Vaticano, que o dinheiro tem sido um dos grandes problemas mundiais. De acordo com o pontífice, “o dinheiro é o esterco do Diabo, que comanda escolhas dos homens quando se torna um ídolo”.

A postura condiz com toda a trajetória de Francisco desde o início de seu papado. Conhecido como “papa dos pobres”, ele já se colocou mais de uma vez contra a postura de adoração ao capital, além de dar mais atenção aos países mais pobres.

“Precisamos lutar contra a prostituição das cooperativas que enganam a população. A economia cooperativa sim é autêntica, se quer levar adiante uma função social forte, quando é uma economia de honestidade”, afirmou o papa.

Sempre pedindo a união dos cristãos, Francisco afirmou durante o discurso improvisado que sua fala era chamado cristão.