1 milhão? 12 mil? Contagem em canal do YouTube diz que 6 mil motos estiveram em motociata de Bolsonaro

·2 minuto de leitura
Para chegar ao resultado, o canal do Youtube diz ter utilizado uma ferramenta que, por meio de câmeras de segurança instaladas nas estradas, consegue contabilizar a quantidade de motos que passaram pelo local (Foto: Reprodução)
Para chegar ao resultado, o canal do Youtube diz ter utilizado uma ferramenta que, por meio de câmeras de segurança instaladas nas estradas, consegue contabilizar a quantidade de motos que passaram pelo local (Foto: Reprodução)
  • Um canal do Youtube realizou a contagem de motos que estiveram na "motociada" do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), realizada no último sábado (12) em São Paulo

  • Segundo o "Análise de Vídeos", estiveram presentes pouco mais de 6 mil motocicletas

  • Após o evento, apoiadores divulgaram informações falsas afirmando que o evento reuniu 1,3 milhão de pessoas e entrado para o Guinness Book, o livro dos recordes

Um canal do Youtube realizou a contagem de motos que estiveram na "motociada" do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), realizada no último sábado (12), em São Paulo. Segundo o "Análise de Vídeos", estiveram presentes pouco mais de 6 mil motocicletas.

Para chegar ao resultado, o canal do Youtube diz ter utilizado uma ferramenta que, por meio de câmeras de segurança instaladas nas estradas, consegue contabilizar a quantidade de motos que passaram pelo local.

Leia também:

"Alguém disse 1 milhão e 300 mil motos? Errou feio! Foram 6253 motos. Acompanhe a contagem oficial", diz uma mensagem na descrição do vídeo.

Após o evento, apoiadores do presidente divulgaram informações falsas sobre o público da “motociata”, afirmando que o evento reuniu 1,3 milhão de pessoas e entrado para o Guinness Book, o livro dos recordes.

Apesar da presença maciça de bolsonaristas, o número não chega nem perto das “fake news” em alguns perfis de redes sociais. 

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) publicou em sua página no Twitter um vídeo no qual aparece na concentração do evento. Na publicação, ela afirma que participaria da “maior motociata do mundo” e que “o nosso presidente vai entrar para o Guinness Book”.

Já a deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) republicou postagem de um seguidor de Bolsonaro afirmando que o evento contou com 1.324.523 motocicletas e que o presidente “bateu o recorde mundial de ‘motopasseata’ da história”.

Dados do governo de SP diverge de bolsonaristas

Segundo dados do próprio governo de São Paulo, foram cerca de 12 mil motos no evento. O número seria maior inclusive do que a frota de motocicletas da cidade, que é de 1.217.655, segundo pesquisa do ano passado.

Também não há nenhuma menção à “motociata” no site do Guinness World Record, uma vez que sequer existe esta categoria. Além disso, para entrar no livro dos recordes, o padrão de análise dos pedidos é de 12 semanas, o que impossibilitaria a inclusão da manifestação do último sábado.

A manifestação, chamada de “Acelera para Cristo” começou às 10 horas, em Santana, Zona Norte da cidade, e terminou no obelisco do Ibirapuera, às 13h30, após cerca de 130 km percorridos. O ato foi uma resposta aos protestos contra o presidente realizados por todo o Brasil em 29 de maio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos