A 15 dias da Olimpíada, vacinação no Japão sofre com problemas de distribuição

·2 minuto de leitura

A 15 dias do início dos Jogos Olímpicos de Tóquio, a campanha de imunização contra a Covid-19 no Japão enfrenta um sério problema logístico. Falhas no sistema de distribuição das vacinas têm gerado a suspensão da aplicação de doses em regiões de grandes cidades como a capital e Osaka. As informações são do site da emissora "Bloomberg".

O problema do país não tem a ver com a quantidade de vacinas. Com população estimada em 126 milhões de habitantes, o Japão garantiu 100 milhões de doses do imunizante da Pfizer, e quase metade delas já foi aplicada. No total, segundo a Bloomberg, o o país já aplicou 52,6 milhões de doses da vacina, chegando à cobertura de 21% da população. A previsão é de que, até setembro, o governo japonês receba uma carga de imunizantes da Moderna.

A dificuldade está em alocar as vacinas em locais com alta demanda, que vêm esgotando rapidamente seus estoques. O país adota um modelo de reserva, ou seja, é necessário que o cidadão agende o dia em que receberá o imunizante. O Japão sofre com a ausência de um sistema centralizado de fiscalização de vacinação.

A campanha, que já acelerou seu ritmo — chegou a 1 milhão de doses aplicadas por dia —, mas ainda sofre críticas por seu atraso em relação ao resto do mundo, vem recebendo mais pressão em meio a um aumento de casos em Tóquio. Nesta quinta-feira, o Japão declarou novamente estado de emergência, e os Jogos de Tóquio devem acontecer sem a presença de público.

O governo japonês tentará conter o desequilíbrio no número de doses alterando o modelo de distribuição: em vez de cumprir exatamente os pedidos das regiões, fiscalizará a quantidade de doses disponíveis nos locais e fará cortes nos envios aos que estiverem bem abastecidos.

— A paritr de agora, vamos distribuir mais doses aos locais que estão adiantados na vacinação. Vamos deixar claros os tamanhos das cargas assim que possível — diz o primeiro ministro japonês, Yoshihide Suga.

A Olimpíada tem início marcado para o próximo dia 23.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos