15% dos paulistanos pegaram Covid-19 sem sair de casa, diz prefeitura

CLAYTON FREITAS
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Dados referentes à segunda fase do inquérito sorológico realizado na cidade de São Paulo e apresentados nesta sexta-feira (12) pela Prefeitura de São Paulo indicam que 15% dos paulistanos foram contaminados pela Covid-19 mesmo sem terem saído de casa. E 9,5% foram contaminados mesmo não tendo contato com amigos e familiares além daqueles do seu núcleo familiar. Segundo a prefeitura, o índice de prevalência do novo coronavírus na população da cidade é igual a 13,9%, um pouco inferior aos 14,1% registrados na primeira fase. O inquérito também indica que 67,5% disseram não ter frequentado café, bares, restaurantes ou academias. O estudo aponta que o coronavírus atinge a capital de forma equivalente tanto nos estratos de escolaridade, renda, cores diferentes e demográficos. Os dados do inquérito sorológico estão sendo apresentados pelo prefeito Burno Covas (PSDB) em entrevista coletiva nesta sexta-feira.