"365 Dias: Hoje" é 100% de aproveitamento zero, segundo a crítica especializada

Laura e Massimo em
Laura e Massimo em "365 Dias: Hoje" (Foto: reprodução/Netflix)

Quem diria? Michele Morrone (muitas vezes sem roupa) não só não agradou a todos, como tem sido alvo de duras críticas. Brincadeiras à parte, "365 Dias: Hoje" finalmente estreou e, embora esteja indo bem na Netflix (top 10 em vários países), as primeiras avaliações agregadas pelo site Rotten Tomatoes registram a impressionante marca de 0% de aprovação.

"Laura e Massimo voltam em uma história mais quente do que nunca. Agora, as conexões da família de Massimo complicam a vida do casal, que ainda precisa lidar com um homem misterioso que entra na vida de Laura decidido a conquistar seu coração e confiança a qualquer custo", adianta a sinopse.

Mas, afinal, o que deu errado?

Já assisti ao filme e preciso concordar com alguns pontos levantados pelos críticos: o roteiro é fraco e repleto de clichês. As cenas de sexo continuam quentes e bem produzidas, mas mais cortam o clímax do que o contrário. Tudo parece forçado, uma verdadeira pornochanchada.

Sem dar spoilers, adiciono que "365 Dias: Hoje" exige mais da atuação de Michele, que se mostra um "canastrão" nos momentos mais dramáticos (o final, por exemplo). O tal "cara misterioso" também não convence. As primeiras interações entre ele e Laura beiram a vergonha alheia. Vamos ver (ou não) o que acontece na última parte, já confirmada pela Netflix...

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos