5 - Apoiador de Doria, Kim critica Aécio, Serra e Alckmin

ANGELA BOLDRINI

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O coordenador do MBL, Kim Kataguiri, discursou de cima de um carro de som do movimento na avenida Paulista.

"Alguém vai sair falando 'Aecio guerreiro do povo brasileiro' se ele for preso? Claro que não".

Com público esvaziado, ele discursa contra a lista fechada, contra os "supersalários", o foro privilegiado e a anistia ao caixa dois. Apoiador de uma candidatura do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), à presidência em 2018, Kataguiri criticou os tucanos Aécio Neves, José Serra e Geraldo Alckmin.

"São os caciques que querem se eleger com a lista fechada", afirmou.

O público em frente ao carro de som do Vem Pra Rua é maior do que o que está em frente ao carro do MBL. A Polícia Militar ainda não divulgou estatísticas de público.