5 leões escapam de jaulas e causam pânico em zoológico de Sydney

Leões fotografados no Zoológico de Taronga
Foto dos leões em agosto deste ano

Cinco leões provocaram um breve pânico em um zoológico australiano depois que eles escaparam do recinto onde são mantidos.

Os animais — um adulto e quatro filhotes — foram vistos do lado de fora da jaula no Zoológico de Taronga, em Sydney, por volta das 6h30 (16h30 de Brasília), nesta quarta-feira (2/11).

O zoológico foi fechado e um filhote teve que ser tranquilizado, mas todos os leões foram capturados em poucos minutos, afirmou um porta-voz. Ninguém ficou ferido.

Ainda não foi dada uma explicação de como eles conseguiram fugir.

O diretor executivo do zoológico, Simon Duffy, classificou o fato como um "incidente significativo" e afirmou que haverá uma investigação.

Ele disse à mídia local que os leões entraram em uma pequena área "adjacente" ao local onde ficam — a cerca de 100 metros de onde algumas pessoas convidadas passaram a noite. A visita regular ao zoológico não estava funcionando no momento do incidente.

"Em nenhum momento os leões saíram daquela área ou do Zoológico de Taronga", complementou Duffy.

Ele acrescentou que a pequena área era protegida por uma cerca de 1,80 metro, que é normalmente usada para manter as pessoas a uma distância segura. Todo o o zoológico também é resguardado por cercas.

Imagens de câmeras de segurança mostraram que um cuidador acionou o alarme cerca de 10 minutos após a fuga.

A equipe de emergência respondeu rapidamente para transferir todas as pessoas que estavam em risco para um local seguro, de acordo com Duffy. Quatro dos leões "voltaram calmamente" para o recinto.

A ala dos leões permanecerá fechada até que sejam feitas novas inspeções, para garantir que tudo esteja "100% seguro", acrescentou o diretor executivo da instituição.

As fugas de animais em zoológicos australianos são raras.

Em 2009, uma leoa escapou do Zoológico de Mogo, ao sul de Sydney, e teve que ser morta a tiros por causa do perigo que representava para o público.

- Este texto foi publicado em https://www.bbc.com/portuguese/internacional-63484909

Sabia que a BBC está também no Telegram? Inscreva-se no canal.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!