7 de Setembro: esquema de segurança do STF é reforçado

STF (Supremo Tribunal Federal) (Foto: Getty Images)
STF (Supremo Tribunal Federal) (Foto: Getty Images)

Por conta do ato para o 7 de Setembro, promovido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), o STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu reforçar a segurança da Corte e evitar ataques isolados de “lobos solitários”.

Foi feito um protocolo de ação para evitar que apoiadores radicais do chefe do Executivo tentem furar o bloqueio feito pelos órgãos de segurança na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

Segundo reportagem divulgada nesta terça-feira (6) pelo jornal O Estado de S. Paulo, o tribunal não revelou o tamanho do efetivo, mas informou que será 70% maior do que o escalado em setembro de 2021.

Os agentes vão estar com diferentes tipos de armamentos, como tasers e submetralhadoras.

Ainda de acordo com o Estadão, o Supremo vai contar com ao menos 47 vigilantes armados e 98 desarmados que integram a equipe de segurança terceirizada. Foi escalado ainda 100% do efetivo privado para trabalhar no plantão no Dia da Independência.

Além disso, outros tribunais do Distrito Federal como o STF (Superior Tribunal de Justiça) e o TRT (Tribunal Regional do Trabalho) vão ceder agentes para reforçar a segurança do STF.

Para evitar ataques aéreos, uma barreira antidrone também foi montada.

Segurança dos ministros

Conforme reportagem do jornal Estadão, não se sabe se os ministros da Corte estarão em Brasília nesta quarta-feira (7). Mas fontes do tribunal afirmaram que cada um terá um grupo da Polícia Judicial preparado para vários cenários.

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)