7 de Setembro: veja lista de itens proibidos nas comemorações em Brasília

Desfile do 7 de Setembro terá segurança reforçada em relação ao ano passado. (Foto: Luiz Souza/NurPhoto via Getty Images)
Desfile do 7 de Setembro terá segurança reforçada em relação ao ano passado. (Foto: Luiz Souza/NurPhoto via Getty Images)
  • Entre os itens proibidos estão drones, armas falsas e fogos de artifício

  • Proibições fazem parte de esquema da Secretaria de Segurança Pública para o 7 de Setembro

  • Lista foi divulgada pela Polícia Militar

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) divulgou uma lista com objetos proibidos na Esplanada dos Ministérios durante as atividades de celebração do 7 de setembro, Dia da Independência. A proibição de itens faz parte do esquema de segurança organizado pela Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal.

Haverá um desfile cívico-militar às 8h e a área do público estará fechada para trânsito de veículos e haverão pontos de revista. Veja os itens que os agentes estarão barrando:

  • fogos de artifício e similares;

  • armas em geral, incluindo de brinquedo, réplicas, simulacros e qualquer objeto com aparência de arma de fogo;

  • artefatos explosivos;

  • sprays e aerossóis;

  • mastros de qualquer tipo de material para sustentação de bandeiras;

  • garrafas de vidro e latas;

  • qualquer objeto que possa causar ferimentos, como tesouras, martelos, flechas, tacos e brocas;

  • drones;

  • apontador a laser ou similares;

  • drogas ilícitas, conforme a legislação brasileira;

  • substâncias inflamáveis de qualquer tamanho ou tipo;

  • quaisquer outros itens a serem divulgados, com antecedência mínima de 24 horas da Operação, pela PMDF e/ou SSP/DF e/ou GDF.

Outras medidas

Na semana passada, a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal divulgou detalhes sobre o esquema de segurança para o dia 7 de Setembro na capital federal. Entre as medidas, haverá bloqueio de vias e snipers e equipes antibombas a postos.

Para que ocorra o desfile, a Esplanada dos Ministérios será fechada ainda na véspera, na terça-feira (6), a partir das 17h, desde a Rodoviária até a via L4. A Praça dos Três Poderes também será totalmente bloqueada com grades e policiamento. As caravanas que chegarem à Brasília serão acompanhadas por monitoramento das rodovias.

Na quarta-feira (7), serão instalados pontos de revista no acesso ao local. Será proibido entrar com armas, fogos de artifício, mastros e substâncias inflamáveis, entre outros itens.

Os ministérios da Justiça e das Relações Exteriores, o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Congresso estarão protegidos por grades e policiais. No ano passado, veículos furaram o bloqueio e houve receio de ataques.

Snipers se somaram às equipes de segurança, que também irão realizar varreduras para buscar explosivos. O Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) também irá integrar os esforços de segurança.