Ação da Petrobras desaba 22,7% e não cobre nem o custo do McLanche Feliz

Extra
·1 minuto de leitura

Os investidores da Petrobras estão amargando as perdas depois das ações da companhia desabarem 22,7% nesta segunda-feira. Quem sacar hoje uma ação terá R$ 21,55, valor inferior ao preço médio de um McLanche feliz, de R$ 23,90. Até sexta-feira, antes do anúncio da troca de comando da estatal, as ações (PETR4) valiam R$27,33.

Com o novo preço, os acionistas conseguem comprar apenas 4,5 litros de gasolina comum, que teve preço de revenda nacional médio de R$ 4,83 na semana do dia 13 de fevereiro, segundo a Agência Nacional de Petróleo (ANP). O Aumento no preço da gasolina nos últimos meses foi o motivo que levou o presidente Jair Bolsonaro a anunciar a saída do então presidente da estatal Roberto Castello Branco do comando da empresa e substituí-lo pelo general Joaquim Silva e Luna.

No entanto, o dólar, moeda em que é precificada o barril de petróleo e impacta no preço dos combustíveis, teve alta de 1,26% nesta segunda feira, cotada a R$ 5,45. Com o novo preço da ação da Petrobras e da moeda morte americana, é possível comprar apenas 4 dólares.