Ações do Future Group sobem após Índia suspender acordo da Amazon

·1 min de leitura

Por Chris Thomas

(Reuters) - As ações das empresas do grupo Future da Índia subiram nesta segunda-feira, depois que a agência antitruste do país suspendeu o acordo de 2019 da Amazon com o grupo, potencialmente tornando mais fácil para a Reliance Retail comprar os negócios de varejo da Future.

O regulador determinou que a gigante do comércio eletrônico dos Estados Unidos suprimiu informações enquanto buscava a aprovação regulatória em 2019 para seu investimento de 200 milhões de dólares no Future Group.

A Amazon tem usado com sucesso os termos desse acordo por meses para bloquear as tentativas da Future de vender ativos de varejo por 3,4 bilhões de dólares para uma unidade da Reliance Industries, maior rival da Amazon no varejo indiano.

A Comissão de Concorrência da Índia (CCI) disse que a Amazon terá tempo para enviar as informações novamente para buscar aprovações, mas uma pessoa com conhecimento do assunto disse à Reuters que a Future dificilmente cooperará com a Amazon se tentar reaplicar a autorização antitruste.

Amazon, Reliance e Future não responderam imediatamente aos pedidos de comentários da Reuters na segunda-feira. A Amazon havia dito na sexta-feira que estava revisando o pedido "e decidirá seus próximos passos no devido tempo".

A Amazon provavelmente contestará a decisão nos próximos dias, disseram pessoas a par do assunto.

"Os investidores no futuro têm um moral elevado agora. Com a CCI entrando no assunto, há uma forte indicação de que o negócio do Future com a Reliance pode passar com menos problemas, embora alguns desafios possam surgir", disse Gaurav Garg, chefe da pesquisa na CapitalVia Global Research.

As ações do Future Retail, Future Consumer

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447500))

REUTERS BC AAP

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos