Ações globais sobem com balanços nos EUA e mercado à espera do Fed

·2 min de leitura
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, BRASIL - 09-05-2015 - Gráfico das recentes flutuações dos índices de mercado no pregão da BM & F Bovespa Bolsa de Valores de São Paulo apos o anuncio da anulação do impeachment. (Diego Padgurschi /Folhapress)
***FOTO DE ARQUIVO*** SÃO PAULO, SP, BRASIL - 09-05-2015 - Gráfico das recentes flutuações dos índices de mercado no pregão da BM & F Bovespa Bolsa de Valores de São Paulo apos o anuncio da anulação do impeachment. (Diego Padgurschi /Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As ações mundiais alcançaram novos recordes nesta terça-feira (2), com a alta nos Estados Unidos impulsionando também os mercados da Europa devido a uma nova rodada de balanços positivos de empresas, o que também fez subir o valor global do dólar.

Todos os três principais índices de ações dos EUA atingiram recordes intradiários durante a sessão. Ao final do pregão, o Dow Jones subiu 0,39% e o S&P 500 avançou 0,37%. O Nasdaq Composite obteve valorização de 0,34%.

Os investidores também aguardam os planos do Fed (Federal Reserve, o banco central americano) para o início da redução do seu pacote de estímulos.

O Fed divulgará um comunicado no final de sua reunião de dois dias nesta quarta-feira (3), quando deve anunciar o início da redução do programa de compra de títulos.

Os rendimentos do Tesouro dos Estados Unidos andaram de lado enquanto o mercado aguardava o anúncio do Fed. A nota do Tesouro de 10 anos caiu 0,02 ponto porcentual, para 1,549%.

O mercado não acredita que o crescimento econômico será muito forte no próximo ano, disse Joe LaVorgna, economista-chefe para as Américas da Natixis em Nova York.

"A taxa de juros real permaneceu deprimida, se não caiu, isso é realmente em função de onde está o crescimento. O mercado simplesmente não acredita que o crescimento será muito robusto", disse LaVorgna.

O índice do dólar americano, que acompanha a divisa em relação a uma cesta de seis moedas, subiu 0,181%, mesmo com o mercado precificando totalmente o anúncio do Fed.

Na Europa, o índice Stoxx 600 também registrou um fechamento recorde em sólidos resultados corporativos, com o índice CAC 40 da França atingindo seu nível mais alto desde 2000.

Os mercados também estão estimando um aumento das taxas de juros na reunião do Banco da Inglaterra, na quinta-feira.

"Na maioria das vezes, os mercados ficam mais felizes quando obtêm previsibilidade, quando obtêm o que esperam", disse Randy Frederick, vice-presidente de negociação e derivativos da Charles Schwab em Austin, Texas. .

O índice mundial do MSCI, que acompanha o desempenho das ações em 50 países, ganhou 0,14%, fechando em um recorde.

As ações e títulos asiáticos tiveram resultados mistos, enquanto as incorporadoras imobiliárias chinesas se preocupavam com o contágio da crise da dívida do China Evergrande Group.

Uma troca de dívida de uma das principais construtoras do país gerou uma enxurrada de alertas de crédito.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos