Ações do Twitter caem em mais de 20% após anúncio de Musk

RIO — As ações do Twitter desabaram até 19% nas negociações de pré-mercado em Nova York após Elon Musk ter tuitado que a compra da plataforma estava temporariamente suspensa.

Investidores da Tesla temiam que Musk ficasse "distraído" com a compra do Twitter e, ainda, que o bilionário tivesse que vender ações da empresa de carro elétrico para levantar caixa para o aporte no Twitter.

Em publicação feita na própria rede social, o CEO das Tesla justificou a suspensão com “detalhes pendentes sobre spam e contas falsas”.

“O acordo do Twitter suspendeu temporariamente os detalhes pendentes que apoiam o cálculo de que contas falsas/spam de fato representam menos de 5% dos usuários”, disse Musk em um tweet.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos