A 3 meses das eleições, Lula e Bolsonaro reúnem multidões em Salvador

A 3 meses das eleições, Bolsonaro se reuniu com apoiadores no Farol da Barra, ponto de partida de um passeio de moto na orla. (Foto: AFP)
A 3 meses das eleições, Bolsonaro se reuniu com apoiadores no Farol da Barra, ponto de partida de um passeio de moto na orla. (Foto: AFP)

A três meses das eleições presidenciais, os dois candidatos favoritos, segundo as pesquisas de opinião, participavam de atos de campanha neste sábado em Salvador.

Protegidos por fortes dispositivos de segurança, Luis Inácio Lula da Silva e Jair Bolsonaro protagonizaram suas atividades em locais separados por alguns quilômetros.

Bolsonaro se reuniu com apoiadores no Farol da Barra, ponto de partida de um passeio de moto de cerca de 2 km ao longo da orla.

"O que está em jogo neste ano remete ao bem-estar e à liberdade de cada um de nós", lançou o presidente. "Vamos juntos vencer (...) pintando de verde e amarelo as ruas da nossa querida Salvador."

Bolsonaro foi aclamado por centenas de pessoas, a maioria vestindo a camisa amarela da seleção brasileira de futebol. Ao mesmo tempo, Lula encontrava-se 10 km ao norte, no Largo da Lapinha, onde acontecia um cortejo para comemorar o aniversário da independência da Bahia.

O ex-presidente de esquerda participou do desfile em meio a uma multidão vestida de vermelho, que gritava "Olê, olê, olê, olá, Lula, Lula!" durante a sua passagem. Em seguida, foi recebido por centenas de pessoas em um evento no estacionamento do estádio Fonte Nova, que sediou jogos da Copa do Mundo em 2014.

Lula foi recebido por centenas de pessoas em um evento no estacionamento do estádio Fonte Nova. (Foto: AFP)
Lula foi recebido por centenas de pessoas em um evento no estacionamento do estádio Fonte Nova. (Foto: AFP)

Durante um discurso de quase meia hora, Lula elogiou "a capacidade de resistência extraordinária" do povo brasileiro frente ao governo atual, que "aprofunda a desigualdade, destrói patrimônios, devasta o meio ambiente, ataca a ciência e a cultura e condena o Brasil ao atraso e ao isolamento internacional".

"Estou muito feliz com essa volta do Lula, porque acho que nossa esperança também voltou. Esse é o primeiro passo desse jogo, e vamos rumo à vitória, para a gente ver o Brasil renascer", disse à AFP Viviane Correa, que compareceu para apoiar seu candidato.

Os candidatos Ciro Gomes e Simone Tebet também estiveram na manhã deste sábado em Salvador para as celebrações da independência.

da AFP

Qual a data das Eleições 2022?

O primeiro turno das eleições será realizado no dia 2 de outubro, um domingo. Já o segundo turno – caso necessário – será disputado no dia 30 de outubro, também um domingo.

Veja a ordem de escolha na urna eletrônica nas Eleições 2022

  1. Deputado federal (quatro dígitos)

  2. Deputado estadual (cinco dígitos)

  3. Senador (três dígitos)

  4. Governador (dois dígitos)

  5. Presidente da República (dois dígitos)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos