A pedido de Crespo, São Paulo negocia com volante do Nacional

Jorge Nicola
·1 minuto de leitura
Gabriel Neves em ação contra o River Plate, pela Libertadores (Raul Marta­nezGetty Images)
Gabriel Neves em ação contra o River Plate, pela Libertadores (Raul Marta­nezGetty Images)

Gabriel Neves pode ser o segundo reforço do São Paulo na era Julio Casares. O volante uruguaio, do Nacional, foi um pedido de Hernán Crespo, recém-apresentado como técnico do Tricolor. O Blog apurou, inclusive, que Crespo já entrou em contato com o staff do atleta para tentar acelerar as tratativas.

Nos últimos dias, o jornalista uruguaio Fabián Bertolini informou que o Palmeiras monitorava a situação de Gabriel Neves, cujo contrato só termina em dezembro do ano que vem. O atleta, de 23 anos, disputou 69 partidas pelo Nacional, com quatro gols e 12 assistências.

Leia também:

O Nacional já deixou claro que só aceita negociar Gabriel Neves em definitivo e existe otimismo em relação a um acerto pelos lados no Morumbi. Uma fonte são-paulina próxima a Casares confirmou que as conversas estão ocorrendo e existe otimismo por um final feliz.

Natural de Maldonado, Gabriel Neves surgiu na base do próprio Nacional e se tornou titular absoluto em 2019. O jovem, inclusive, já tem uma partida disputada pela seleção uruguaia, sob o comando de Óscar Tabarez.

O primeiro reforço são-paulino em 2021 foi Bruno Rodrigues, conforme revelou o Blog com exclusividade. O atacante, que disputou a temporada passada pela Ponte Preta, tem seus direitos econômicos presos ao Tombense e ficará no Tricolor por empréstimo ao longo deste ano.

Outros nomes: Casares pretende reforçar bem o time do São Paulo e procurou nos últimos dias atletas como o lateral-direito Orejuela, o zagueiro Kanu, além dos atacantes Diego Costa, Gilberto e Michael, do Flamengo.