Abel Silva, coautor de 'Festa no interior', lança seu 22º livro com 'Pão e poesia'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

RIO — Letrista e parceiro de nomes consagrados da MPB, como Moraes Moreira, Sueli Costa, Roberto Menescal e João Bosco, entre outros, Abel Silva lança hoje, numa padaria do bairro em que mora, o Jardim Botânico, um livro que marca uma data redondíssima: os seus 50 anos de carreira. “O caderno vermelho das manhãs” reúne 72 poemas escritos durante a pandemia.

Para celebrar o lançamento do 22º livro de sua carreira, no lugar de sentar-se atrás de uma mesa diante de uma fila de rostos conhecidos e desconhecidos aguardando por um autógrafo, Abel vai promover hoje, das 11h às 15h, um encontro, em pé, que ele batizou de “Pão e poesia”, na padaria Século XX (Rua Pacheco Leão 320). Amigos e parceiros recitarão algumas de suas obras.

—Todo mundo em pé, ao ar livre, na calçada. A padaria, que fica em frente à TV Globo, é um ponto de encontro da região e acho que tem mais a ver comigo um evento mais informal — diz.

Entre mais de 300 canções, o compositor, em parceria com o amigo Moraes Moreira, criou “Festa no interior”, um dos maiores sucessos da música brasileira. A canção já ganhou versões em mais de dez idiomas, incluindo japonês e finlandês.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos