Polícia usa retroescavadeira para liberar acesso ao aeroporto de Campinas, que tinha sido bloqueado por manifestantes

A Polícia Militar liberou o acesso ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), após um grupo de manifestantes que não aceita o resultado da eleição presidencial fechar parcialmente a via para realizar um protesto golpista. Duas pistas da Avenida José Amgarten foram interditadas a partir das 4h desta sexta-feira e só foram reabertas por volta das 8h15. A PM precisou usar uma retroescavadeira para retirar a barricada montana na via.

Bela Megale: A nova versão de Bolsonaro em seu retorno ao Palácio do Planalto

Leia mais: STF deve julgar orçamento secreto, mas outros casos sensíveis ao Planalto ficarão para 2023

Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) colocando pallets e outros pedaços de madeira nas pistas para criar barricadas. Também se formou uma fila de caminhões parados na via. Carros de passeio usaram o acostamento para passar lentamente. Segundo a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), houve congestionamento, mas a pista não foi completamente fechada e apenas caminhões tiveram que aguardar o fim do bloqueio.

"Viracopos, 5 horas da manhã, dia 25/11/22, aeroporto internacional. Somente acostamento fluindo, carros utilitários, ambulâncias e carga livre estão passando. Carreta não passa", diz o autor de um vídeo feito no local.

Matéria em atualização.