Acidente com avião deixa um morto e dois feridos em BH

·2 minuto de leitura

BELO HORIZONTE, MG (FOLHAPRESS) - Um homem de 76 anos morreu e outros dois ficaram feridos depois que um avião saiu da pista e se partiu ao meio no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, nesta terça-feira (20). Os outros dois ocupantes que se feriram são um homem de 31 anos, que teve ferimentos leves e não precisou ser levado ao hospital, e o piloto, de aproximadamente 28 anos, um aluno em treinamento, retirado em estado grave e levado ao Hospital João 23, de helicóptero. O homem que morreu no local era o copiloto e instrutor. Ele e o piloto ficaram presos às ferragens na cabine. O resgate foi feito pelo Corpo de Bombeiros. Segundo os Bombeiros, o piloto fazia uma manobra de pouso e decolagem, uma técnica conhecida como toque e arremetida, em um procedimento de instrução, quando ocorreu o acidente. A aeronave parou a cerca de 100 metros da pista. Ainda de acordo com informações divulgadas pelos Bombeiros, a suspeita inicial é de que o trem de pouso da aeronave não abriu. A causa, porém, só será confirmada depois de perícia. Ainda não foram divulgadas informações sobre os proprietários da aeronave. A Infraero diz que o avião, um Learjet LR35, saiu da pista depois de um pouso de um voo teste. A pista ficou interditada de 13h55 até 14h29. Ainda segundo o órgão, o acidente será investigado pelo Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos). Por meio de nota, o órgão ligado à Aeronáutica reforçou a questão. "O objetivo das investigações realizadas pelo Cenipa é prevenir que novos acidentes com características semelhantes ocorram. A conclusão das investigações terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade de cada ocorrência e, ainda, da necessidade de descobrir todos os fatores contribuintes", diz a nota divulgada. A Polícia Civil de Minas Gerais também deslocou uma equipe para o local do acidente e a perícia realizou os primeiros levantamentos. Até o início da noite, a ocorrência seguia em andamento.