Acidente mata motociclista e complica o trânsito na marginal Tietê, em SP

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um acidente envolvendo caminhão e moto deixou uma pessoa morta, na manhã desta quinta-feira (30), na marginal Tietê, na zona norte de São Paulo. A batida interditou parcialmente a pista central e ainda complicava o trânsito na via no início da tarde.

Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), o acidente aconteceu por volta das 10h30, na altura da ponte Orestes Quércia, a Estaiadinha, no sentido Castello Branco. O motociclista morreu ainda no local e uma segunda vítima foi socorrida ao pronto-socorro Santana, de acordo com os bombeiros.

A Polícia Militar não soube informar se a segunda vítima também estava na motocicleta. As circunstâncias da batida também serão apuradas ainda.

Com o acidente, a marginal Tietê registrava, por volta das 13h20, 11,5 km de lentidão na pista expressa, desde a ponte Imigrante até o sambódromo; mais 9,5 km na pista local, entre a ponte Aricanduva e o sambódromo; e 5,1 km na pista central, entre a Julio de Mesquita Neto e a ponte das Bandeiras.

Um outro acidente também provocou problemas na marginal mais cedo. Segundo os bombeiros, um carro capotou, por volta das 9h30, na altura da ponte do Limão, também no sentido Castello Branco. Uma pessoa foi socorrida e encaminhada para o Hospital São Camilo.

A morte desta quinta é a quarta registrada nas marginais desde o início do ano. As outras três vítimas também eram motociclistas, sendo dois mortos na marginal Pinheiros e um na marginal Tietê.

No final de janeiro, as marginais Tietê e Pinheiros tiveram os limites de velocidade elevados. A medida foi questionada por especialistas, que temiam a elevação de mortes e acidentes. Em fevereiro, pesquisa Datafolha apontou que a medida era defendida por 57% dos paulistanos e reprovada por 37%.