Acre tem 28% de abstenções, recorde no estado

RIO BRANCO, AC (FOLHAPRESS) - Segundo o Tribunal Regional Eleitoral, o Acre registrou 28% de abstenção, a maior da história em eleições presidenciais no estado. Quandoas urnas confirmaram a vitória de Lula, os apoiadores do presidente eleito, comemoraram no comitê central do partido em Rio Branco.

Durante a votação, de acordo com a Secretaria de Segurança do Estado, apenas duas situações consideradas de vulto foram registradas. Na capital, dois fiscais do PT foram presos acusados de crime eleitoral. Segundo a polícia eles estavam fazendo boca de urna em frente a escola Armando Nogueira, no bairro Tucumã.

Em Feijó, no interior do Acre, um homem foi preso depois de postar em um rede social um vídeo do momento em que votava.

Ainda de acordo com a polícia, nenhum incidente entre bolsonaristas e apoiadores de Lula foi registrado durante a votação e nem após o anúncio da vitória do petista.

O governador Gladson Cameli (PP) emitiu uma nota parabenizando Lula pela vitória. Gladson disse que está pronto para trabalhar em harmonia com o novo presidente.