Acusada de plagiar Luísa Sonza, irmã de Whindersson rebate haters: "Não vão destruir meus sonhos"

·1 minuto de leitura
Hagda Kerolayne manda recado para os haters. Foto: reprodução/Instagram/hagdakerolayne
Hagda Kerolayne manda recado para os haters. Foto: reprodução/Instagram/hagdakerolayne

Resumo da notícia

  • Hagda Kerolayne rebateu críticas de haters após lançamento de clipe de "Melhor Assim"

  • Irmã de Whindersson foi acusada de plagiar "Penhasco", música de Luísa Sonza

  • Ela disse que não vai se deixar abater pelos comentários negativos

Hagda Kerolayne reagiu aos comentários negativos que vem recebendo de haters desde o lançamento do clipe de "Melhor Assim" esta semana. Neste sábado (18), a irmã de Whindersson Nunes fez uma publicação nas redes sociais declarando que não ia se deixar abater pelas críticas. A música foi acusada de ser plágio de "Penhasco", do novo álbum de Luísa Sonza, sua ex-cunhada.

"Eu sei quem eu sou, sei da capacidade que eu tenho e não são vocês que vão dizer ao contrário. Por coisas piores eu já passei, enfrentei a morte várias vezes e não, vocês não vão me colocar para baixo, vocês não vão destruir os meus sonhos", escreveu ela, ao compartilhar uma foto em que mostra o dedo do meio, no Instagram.

Leia também:

O vídeo de "Melhor Assim" tem participação de Maria Lina, ex-noiva de Whindersson. A letra da canção foi chamada de "cópia" e "paródia" e até interpretada como uma resposta para "Penhasco".

Sem citar o nome de Luísa, Hagda também se pronunciou sobre os ataques nos Stories, com uma mensagem irônica: "Agradeço todas as mensagens de carinho. Obrigada também aos haters que estão me dando engajamento. Um beijo no coração de vocês".

Em outro post, a cantor escreveu: "Não esqueçam que eu sou formada em Direito e sei dos meus, tá? Tô tirando print de tudinho, de afirmações aí que não existem".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos