Acusado de “blindar” Bolsonaro, Aras será sabatinado pelo Senado no próximo dia 24

·1 minuto de leitura
Brazil's President Jair Bolsonaro (R) shakes hands with Brazil's Prosecutor-General Augusto Aras during the opening session of the legislative year in Brasilia, on February 3, 2021. - The Brazilian Congress on Monday elected two allies of President Jair Bolsonaro to head the Senate and the lower house, an important victory for the far-right leader in his quest to reinvigorate his reelection efforts for 2022. (Photo by Sergio Lima / AFP) (Photo by SERGIO LIMA/AFP via Getty Images)
Augusto Aras foi indicado por Jair Bolsonaro para ser reconduzido ao cargo de procurador-geral da República (Foto: Sergio Lima/AFP via Getty Images)
  • Augusto Aras será sabatinado pela CCJ do Senado no próximo dia 24

  • Aras foi indicado por Bolsonaro para ser reconduzido ao cargo de procurador-geral da República por Bolsonaro

  • Se nome por aprovado na CCJ, será apreciado pelo plenário do Senado

Indicado por Jair Bolsonaro (sem partido) para ser reconduzido ao cargo de procurador-geral da República, Augusto Aras será sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal no dia 24 de agosto. A informação foi revelada pela GloboNews.

A sabatina, na próxima terça-feira, acontecerá às 10h e o relator será o senador Eduardo Braga. Caso o nome de Aras seja aprovado na Comissão, poderá ser votado no plenário da casa. Se a recondução de Augusto Aras for votada no Senado, precisa de 41 votos, a maioria simples, para passar.

Leia também:

De acordo com a GloboNews, Aras gostaria de ser aprovado antes de setembro, quando acaba o mandato na PGR. Aras ficou conhecido pela proteção a Jair Bolsonaro. A indicação adiantada à recondução foi entendida por muitos como um gesto de reconhecimento por parte do presidente.

Caso André Mendonça

Há, ainda, outro nome que deve passar pela avaliação da CCJ, o de André Mendonça, indicado por Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal.

De acordo com a secretaria-geral da mesa do Senado, a indicação do presidente será lida. Esse é o primeiro passo para que a CCJ aprecie o nome. Em seguida, caso seja aprovado, irá à plenário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos