Adidas decide se ‘desfazer’ da Reebok

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Logo da Reebok. (Foto: Getty Images)
Logo da Reebok. (Foto: Getty Images)

A fabricante alemã de roupas e material esportivo Adidas anunciou um grande movimento: a venda da marca americana Reebok, que comprou há 15 anos anos.

Leia também:

A empresa hoje é avaliada em cerca de US$ 1,2 bilhão. As informações são da agência de notícias Reuters.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Originalmente, a compra da Rebook fazia parte de um plano de melhorar a competitividade da Adidas em solo americano contra a Nike, outra gigante do ramo de roupas e materiais esportivos, com sede nos Estados Unidos.

O plano de separação da Reebok faz parte, segundo o presidente da Adidas, de um plano maior de reestruturação que será apresentado no mês que vem.

“A Reebok e a Adidas serão capazes de realizar significativamente melhor seu potencial de crescimento, independentemente uma da outra”, disse Kasper Rorsted, presidente-executivo da Adidas, em comunicado.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube