Adolescente de 15 anos é morta a tiros na frente da mãe ao sair para comprar almoço

·1 minuto de leitura
Juliana Alves tinha 15 anos e foi morta a tiros em Manaus
Juliana Alves tinha 15 anos e foi morta a tiros em Manaus
  • Uma estudante de 15 anos foi morta com 5 tiros ao sair de casa com a mãe para comprar o almoço

  • Ela a mãe estavam na rua quando foram surpreendidas por um homem que saiu de um carro

  • Testemunhas afirmam que a mãe chegou a pedir que a filha se escondesse, mas ela não teve tempo

A estudante Juliana Alves, de 15 anos, foi assassinada com pelo menos cinco tiros enquanto saía de casa com a mãe para comprar o almoço. O crime aconteceu na tarde do último sábado (11), em Manaus.

O crime aconteceu por volta do meio-dia. Familiares da vítima, que preferiram não se identificar por medo de represálias, contaram ao portal G1 que Juliana e a mãe estavam na rua quando foram surpreendidas por um homem, ainda não identificado, que saiu de um carro.

Leia também

"O homem só fez sair do carro e apontar o revólver para a cabeça dela e atirar. Não sabemos o motivo para este crime. Ela era uma menina tranquila e inocente, ainda estudava, estava na nona série e nunca se envolveu em crime nenhum", disse um familiar de Juliana ao portal G1

Testemunhas afirmam, ainda, que a mãe da adolescente chegou a pedir que a filha corresse e se escondesse, mas a adolescente não teve tempo.

"A gente pensava que era até algum motorista perdido pelo bairro atrás de informações sobre a rua, mas não. Ela não teve tempo de defesa. Foi um crime cruel", afirmou o parente da vítima ao portal G1.

Policiais da 13ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) estiveram no local e o caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos