Adolescente que matou idoso com golpes de picareta tem 40 passagens pela polícia

Adolescente matou idoso e continua solto - Foto: Getty Images
Adolescente matou idoso e continua solto - Foto: Getty Images
  • Adolescente que matou idoso com golpes de picareta tem dezenas de passagens pela polícia

  • Ele participou de um crime de latrocínio ao lado de um rapaz de 20 anos, que está preso

  • O jovem continua solto pelo crime cometido em fevereiro

A Polícia Civil de Minas Gerais divulgou novas informações sobre o assassinato de um idoso de 69 anos ocorrido em Juiz de Fora, no último dia 14 de fevereiro. Um adolescente de 17 anos segue foragido.

Segundo informações do jornal Estado de Minas, o homem foi vítima de latrocínio. Os criminosos responsáveis pelo assassinato são o adolescente e um homem de 20 anos, apontados como traficantes.

"O idoso foi morto de forma muito cruel, com diversos golpes de picareta. No dia seguinte ao crime, um parente da vítima nos procurou e trouxe informações sobre o dia a dia da vítima, como quem frequentava a casa dela, com quem se relacionava e seus hábitos, para que pudesse ser feita uma delimitação dos suspeitos do caso", explicou o delegado Rogério Woyame.

Ao conversar com o familiar, a polícia descobriu que o idoso costumava gabar-se na região por ter diversas posses e muito dinheiro guardado em casa.

Os dois traficantes da região do bairro Santo Antônio ficaram sabendo disso e se aproveitaram de uma mulher para atrair o idoso.

“Pegaram uma usuária que devia dinheiro para eles e obrigaram ela a chamar o senhor. Quando ele percebeu que era uma mulher na porta, abriu. Então, os criminosos entraram na casa, pegaram diversos objetos da vítima. Provavelmente porque a vítima não tinha todo o dinheiro que dizia ter, os criminosos ficaram mais violentos e mataram a vítima dessa forma cruel", explicou o delegado.

Adolescente ainda está solto

O homem de 20 anos foi localizado após o crime e detido. Já o adolescente, continua solto. A Polícia Civil enviou à Justiça um pedido de acautelamento.

Após identificar o rapaz de 17 anos, os agentes descobriram que, mesmo com a pouca idade, ele possui 40 passagens pela polícia, por crimes análogos a homicídio, tráfico de drogas, roubos, entre outros.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos