Adolescente troca presentes de aniversário por doação de alimentos em SP

·2 minuto de leitura
Adolescente comemorou 16 anos e pediu de presente doações ao Fundo Social de Solidariedade de São Vicente (SP)
Adolescente comemorou 16 anos e pediu de presente doações ao Fundo Social de Solidariedade de São Vicente (SP)
  • A estudante Laura Beatriz Ferreira comemorou 16 anos e decidiu não ganhar presentes de aniversário

  • No lugar, pediu alimentos a serem doados em São Vicente (litoral de São Paulo)

  • O caso ganhou repercussão após a Prefeitura convidar a família para a entrega dos alimentos

A estudante Laura Beatriz Ferreira comemorou 16 anos e decidiu não ganhar presentes de aniversário. No lugar, pediu alimentos a serem doados em São Vicente (litoral de São Paulo). O caso ganhou repercussão após a Prefeitura de São Vicente convidar a família para a entrega dos alimentos e divulgar a ação.

"A pandemia com certeza me incentivou a fazer isso, porque fiquei pensando em como poderia ajudar as pessoas. Quando me perguntavam o que queria de presente, eu pensava que já tinha tudo que queria, então por que não aproveitar esse momento pra ajudar outras pessoas?", relatou a adolescente ao portal G1.

Leia também

O aniversário de 16 anos aconteceu do dia 1º de agosto, e a festa foi no dia 7 do mesmo mês. Ela comemorou "15 + 1", porque não pôde realizar o baile de debutante em 2020, em razão da pandemia de coronavírus.

Laura produziu um convite online, onde explicava a decisão, pedia 1 kg de alimento não perecível (de preferência arroz e feijão) e citava para onde a doação seria encaminhada. Apesar de surpresos, os convidados apoiaram a ideia e, com as doações, foi possível arrecadar pouco mais de 100 kg de alimentos, já que alguns doaram cestas básicas e mais de 1 kg de alimento.

A arrecadação foi entregue ao Fundo Social de Solidariedade (FSS) de São Vicente e encaminhada ao Lar de Amparo da Vovó Walquiria. A doação aconteceu em 26 de agosto. Além dos 100 kg arrecadados pela adolescente, o FSS ainda acrescentou outros 157 kg, totalizando uma doação de 257 kg em alimentos.

Eu fiquei muito orgulhosa de colher uma sementinha plantada anos atrás, porque eu tive uma vida bem humilde, trabalhando muito sempre junto com meu marido e a gente conseguiu uma condição melhor. Mas eu tinha uma grande preocupação que ela [Laura] não esquecesse tudo que nós passamos um dia, então alimentei isso junto aos valores da família", esclareceu a mãe ao portal G1.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos