Adriano Imperador quer distância do futebol e cita problema no tendão : 'Até hoje eu manco'

Aposentado dos campos desde 2016, Adriano Imperador não pensa em retornar ao futebol — caminho que costuma ser feito por ídolos do esporte depois que eles penduram as chuteiras. Mas não com Didico. Ele diz que prefere ficar afastado deste universo, e não assumir nenhuma função em comissão técnicas de times.

"Não tenho vontade de ser auxiliar, nem dirigente. Prefiro ficar um pouco afastado dessa parte. Estou vivendo minha vida do jeito que eu quero, perto da familia e amigos, compromissos com marcas... Acho que eu estou preferindo fazer esse tipos de trabalho. E estou super bem", comentou o ex-jogador, em entrevista ao podcast Podpah.

Cria da Vila Cruzeiro, comunidade da Zona Norte do Rio, Adriano falou ainda sobre o que passou pela sua cabeça ao bater o martelo e decidir deixar os campos.

"Decidi parar não é porque não gostava mais de jogar. Não estava mais sentindo aquela vontade... Até porque até hoje eu manco por causa do meu tendão (em que sofreu um rompimento). Preferi me afastar. Sabia que seria dura minha volta. Já conquistei algumas coisas como jogador, entendi que estava na hora de me afastar", acrescentou ele, atualmente com 40 anos, no papo:

"A imprensa também não iria entender se eu jogasse abaixo daquilo que eu sabia fazer. Porque isso atrapalha... o tendão também atrapalha muito. Então achei melhor deixar por aqui mesmo e seguir com a minha vida."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos