Aegea, que entrou no saneametno do Rio, abre mais de 5 mil vagas. Veja como participar da seleção

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

RIO — Após arrematar dois blocos de concessão no leilão da Cedae, a empresa Águas do Rio, do grupo Aegea, já começa a contratar mão de obra, com previsão de 5 mil vagas em todo o Estado do Rio. A concessionária promete um investimento de R$ 24,4 bilhões ao longo de 35 anos de contrato, sendo R$ 7,2 bilhões nos primeiros cinco anos.

A empresa fará a gestão do saneamento de 27 cidades fluminenses. Na capital, atuará na Zona Sul, na Zona Norte e no Centro. Segundo a companhia, as inscrições para o processo seletivo já estão abertas.

O ritmo de contratações será divido em três etapas, de acordo com o plano de operação assistida do sistema de saneamento do Rio. A primeira rodada de seleção será feita até setembro, com 1.886 contratações; outras 1.114 vagas serão preenchidas em outubro; e mais duas mil até dezembro.

Há oportunidades de emprego para profissionais com diferentes níveis de escolaridade, desde o nível fundamental até o ensino superior completo.

O presidente da Águas do Rio, Alexandre Bianchini, afirmou que vai priorizar a contratação de mão de obra local.

— O nosso objetivo é contar com pessoas das próprias cidades ou de comunidades locais — ressalta Bianchini, acrescentando que o ritmo das contratações seguirá as etapas de concessão, como período de operação assistida que deve durar seis meses.

Confira as vagas

A empresa está abrindo as inscrições para selecionar profissionais de mais diversas funções e postos de atuação, com vagas para jovens aprendizes, técnicos, gerentes e profissionais com ensino superior completo. O regime de contratação é com carteira assinada.

A empresa paga benefícios como plano de saúde, vale-alimentação e vale-transporte, entre outros. O valor dos salários não foi divulgado e, segundo a companhia, varia de acordo com o cargo, a função e a carga horária. Entre as vagas oferecidas estão:

Operadores de sistema de esgotamentoAgentes de saneamento e comercial (leitura e vistoria)GerentesMotoristas e mecânicosSupervisores de loja comerciais, de estação de tratamento de esgoto, eletromecânica, manutenção e operaçõesProgramadores de serviçosAdvogadosAnalistas administrativo, de recursos humanos, eletroeletrônico, de sistemas e de medição e contratoAssistentes administrativos, comerciais e de responsabilidade socialAuxiliares administrativosCoordenadores administrativos, comerciais, de comunicação, de laboratório, de planejamento, de processos de risco, de responsabilidade social, de segurança, de serviços e de operação e distribuiçãoJovens aprendizes

Como se inscrever

Os interessados devem entrar no site da empresa e clicar em "Carreiras", para ter acesso ao material sobre a companhia e inserir seus dados. Neste primeiro momento, serão oferecidas 1.002 vagas operacionais, 376 para cargos de liderança, 330 para o setor administrativo e 178 para técnicos.

No último dia 11, o governo do estado e a concessionária Águas do Rio assinaram o contrato de concessão do saneamento público previsto no leilão da Cedae. A concessionária venceu o leilão dos blocos 1 e 4, em abril deste ano.

O bloco 1 do leilão, no valor de outorga de R$ 8,2 bilhões, engloba as cidades de Aperibé, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, Cantagalo, Cordeiro, Casimiro de Abreu, Duas Barras, Itaboraí, Itaocara, Magé, Maricá, Miracema, Rio Bonito, Saquarema (3° Distrito). São Gonçalo, São Francisco de Itabapoana, São Sebastião do Alto, Tanguá e Rio de Janeiro AP2.1.

No bloco 4 do leilão, no valor de R$ 7,2 bilhões, estão as cidades de Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados, São João de Meriti e Rio de Janeiro AP 1, AP 2.2 e AP 3.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos