Agente da PRF morre após cair de viaduto da Transolímpica durante confronto com assaltantes

O policial rodoviário Bruno Vanzan Nunes, de 41 anos, morreu na tarde desta quinta-feira após ser baleado e cair da Transolímpica. Segundo o Corpo de Bombeiros, o acionamento do quartel de Guadalupe foi feito às 14h20. De acordo com a Polícia Militar, o agente reagiu a uma tentativa de assalto na via e foi ferido, o que fez com que ele caísse da pista da Transolímpica. O agente não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Motorista de aplicativo: Homem é morto em favela do Rio; polícia investiga se vítima entrou por engano no local

Prática ilegal: Em dez anos, polícia registra quase mil casos de falsos médicos, dentistas ou farmacêuticos

Segundo a PRF, Bruno Nunes estava na corporação a 18 anos, ingressando em 2004. O oficial estava lotado na sétima delegacia, em Resende, no sul do Rio. O policial tinha 41 anos de idade e deixa uma esposa e dois filhos.

Em nota, a Polícia Rodoviária Federal lamentou o ocorrido e manifestou solidariedade aos familiares, amigos e colegas de Bruno durante o luto.

Em nota, a ViaRio, companhia que administra a Transolímpica, lamentou a morte do agente. Segundo a concessionária, equipes foram imediatamente acionadas, prestaram os primeiros socorros, mas a vítima não resistiu. A empresa acrescenta que está à disposição das autoridades para apoiar as investigações.

De acordo com comerciantes das proximidades da Avenida Duque de Caxias, na altura da Vila Militar, afirmaram que houve um intenso tiroteio na região.

— A gente escutou uma troca de tiros muito intensa, realmente nos assustamos muito. Pareciam várias armas de vários calibres diferentes. Logo depois dos disparos reparamos numa correria muito grande na rua e falaram que tinha caído um policial do viaduto. Todo mundo correu, mas ele estava cercado por outros policiais e militares e ninguém conseguiu chegar muito perto para ver o que realmente tinha acontecido. Foi um susto muito grande.— afirmou uma mulher, que não quis se identificar.

Segundo a Polícia Militar, o agente teria reagido a uma tentativa de assalto onde foi ferido, vindo a cair na pista. O policial não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Ainda segundo a PM, a área foi isolada para perícia e os agentes acionaram da Delegacia de Homicídios da Capital.