Agente de Pellistri vê concorrência no Flamengo como problema e esfria negócio

Edgardo Lasalvia, agente do uruguaio Facundo Pellistri, confirmou o interesse do Flamengo, mas declarou que a negociação esfriou. Em entrevista ao programa '100% Deportes' da rádio uruguaia Sport 890, o representante do atacante disse que a intenção não é voltar à América do Sul neste momento e se mostrou preocupado com a forte concorrência no elenco rubro-negro.

— Sim, o interesse é real, mas nossa ideia hoje não é voltar para a América do Sul. Facu tem muitas ofertas da Europa, nunca tinha me acontecido ter tantas ofertas por um jogador na mesma janela de transferências. Ele está em um clube muito grande, que pagou um dinheiro significativo pelo passe, mas viemos a ser valorizados e a dar a oportunidade — disse Edgardo ao programa '100% Deportes'.

— Minha opinião pessoal é que o Flamengo tem muitos jogadores nessa posição e estamos priorizando a parte esportiva. Então o Facu tem que ir para um time jogar, onde é prioridade para a comissão técnica, e hoje não posso dizer que seja assim no Flamengo porque não falei com a comissão nem com o técnico (Vítor Pereira), só com um diretor — completou.

Outros clubes europeus estão de olho no meia-atacante, que disputou a Copa do Mundo de 2022 pela seleção do Uruguai e que não tem sido muito utilizado no Manchester United, onde fez sua estreia no dia 10 de janeiro contra o Charlton, pela Copa da Liga Inglesa.

Em seguida, o empresário garantiu que se reuniu com os representantes do Manchester United para resolver o futuro do jogador e que o técnico Erik ten Hag prometeu dar mais oportunidades para Pellistri. O holandês deseja a permanência do atacante e afirmou que vai dar os minutos dentro de campo que ele merece.

O Botafogo foi outro clube da América do Sul que sondou o atacante de 21 anos. O time treinado por Luis Castro chegou a fazer uma investida, mas não apresentou proposta que agradou as partes envolvidas.

Pellistri, de 21 anos, foi revelado pelo Peñarol e contratado pelo Manchester United ainda em 2020. Foi emprestado ao Alavés, da Espanha, por duas temporadas, antes de receber as primeiras oportunidades na equipe inglesa.