Alckmin chega a Brasília para iniciar transição de governo

Geraldo Alckmin (Foto: MAURO PIMENTEL/AFP via Getty Images)
Geraldo Alckmin (Foto: MAURO PIMENTEL/AFP via Getty Images)

O vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSB) chegou a Brasília no começo da manhã desta quinta para iniciar a agenda da transição.

A primeira parada foi uma reunião com a presidente do PT, Gleisi Hoffmann e o coordenador do plano de governo Aloísio Mercadante na sede nacional do partido. Junto com um assessor legislativo, discutiram detalhes e adequações da portaria de transição.

Ao chegar ao Congresso, Alckmin responde que é "boa" a expectativa da reunião que terá no começo da tarde com Ciro Nogueira, ministro da Casa Civil de Jair Bolsonaro (PL), derrotado nas urnas no último domingo.

Ele, entretanto, não deu mais detalhes e prometeu falar com a imprensa no fim do dia.

Em seguida, Alckmin terá um encontro com o relator do orçamento no Congresso, Marcelo Castro (MDB).

O senador eleito Wellington Dias (PT) acompanhará Alckmin na reunião. Dias tem liderado as discussões orçamentárias.

A prioridade do partido é garantir espaço no orçamento de 2023 para pagar R$ 600 de Auxilio Brasil já em janeiro.

Nesta quinta-feira, Alckmin também faz a primeira reunião com a equipe do presidente Jair Bolsonaro.

Às 14h, vai se encontrar com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira. Gleisi e Mercadante também estarão nesse encontro, retornando pela primeira vez ao Palácio do Planalto desde o impeachment de Dilma Rousseff em 2016.