Alckmin defende reativação de comissão bilateral Brasil-Argentina

Vice-presidente e ministro do MDIC, Geraldo Alckmin, em Brasília

SÃO PAULO (Reuters) - O vice-presidente e ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Geraldo Alckmin, defendeu nesta segunda-feira a reativação de uma comissão bilateral com a Argentina, um dos principais parceiros comerciais do Brasil, independentemente das negociações dentro do Mercoscul.

Em entrevista coletiva após participação de reunião na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Alckmin destacou, por outro lado, que a negociação do acordo do Mercosul --que é formado além de Brasil e Argentina por Uruguai e Paraguai-- com a União Europeia é central.

(Reportagem de Eduardo Simões)