Alcolumbre tem teste positivo para coronavírus e está "sem sintomas severos", diz assessoria

.

(Reuters) - O presidente do Senado e Congresso Nacional, Davi Alcolumbre (DEM-AP), está infectado com o novo coronavírus, mas não apresenta sintomas severos, apenas "alguma indisposição", informou nesta quarta-feira a assessoria de imprensa do senador.

"Depois de o primeiro exame dar negativo, o presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre, refez o exame na noite de ontem e, nesta quarta-feira, atestou positivo para Covid-19", disse a assessoria de imprensa da presidência do Senado em nota.

"Davi Alcolumbre, no entanto, está bem, sem sintomas severos, salvo alguma indisposição, e segue em isolamento domiciliar, conforme determina o protocolo de conduta do Ministério da Saúde e a OMS", acrescentou.

Com isso, Alcolumbre se torna o primeiro chefe de um dos Poderes da República a ter teste positivo. No entanto, outros parlamentares já foram confirmados com o novo vírus.

O primeiro deles foi o senador Nelsinho Trad (PSD-MS), que fez parte da comitiva do presidente Jair Bolsonaro em viagem aos Estados Unidos. No retorno da viagem, o secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajngarten, teve teste positivo para o vírus.

Antes de saber da contaminação de Wajngarten, Trad foi ao Congresso e chegou a participar de reunião com Alcolumbre.



(Reportagem de Maria Carolina Marcello)