Alerj aprova tombamento da Cobal do Huimaitá, e texto agora vai para análise do governador Wilson Witzel

Renan Rodrigues

RIO — A assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou em segunda discussão, na tarde desta quarta-feira, o Projeto de Lei 1305/2019, de autoria do deputado Eliomar Coelho (PSOL), que tomba a Cobal do Humaitá. De acordo com o texto, apenas as divisórias internas dos boxes e o gradil que cerca o terreno do imóvel não foram tombados. O projeto de lei, agora, segue para análise do governador Wilson Witzel

— Trata-se de discutir um pouco a cidade do Rio de Janeiro e o bairro Botafogo. Quem conhece, provavelmente é o único bairro da Zona Sul que não tem aquele espaço que os amigos e as famílias podem sentar. É um espaço de encontro. Ali oxigena o bairro de Botafogo não só pelo espaço que existe, mas também pela alegria daqueles que lá frequentam — afirmou o deputado Eliomar Coelho (PSOL), autor do projeto, durante discurso na Alerj.