Aliados de Bolsonaro culpam Guedes por crescimento de Lula

Presidente Jair Bolsonaro e o ministro da economia, Paulo Guedes (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Presidente Jair Bolsonaro e o ministro da economia, Paulo Guedes (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

Resumo da notícia

  • Aliados de Bolsonaro pressionam Paulo Guedes por mudanças na economia, com medo de ascenção ainda maior de Lula

  • Pessoas que cuidam do projeto de reeleição do presidente acreditam que tema dos combustíveis foi determinante para melhora do cenário para o petista

  • Paulo Guedes é pressionado para aprovar política para subsidiar o combustível no Brasil

Os aliados do presidente Jair Bolsonaro (PL), que cuidam da reeleição, acreditam que Paulo Guedes, ministro da Economia, seja o principal culpado pela dianteira tomada por Lula (PT), evidenciada na última pesquisa Datafolha.

Segundo informações da jornalista Andréia Sadi, da TV Globo, o QG do presidente passou a enfrentar quedes após os resultados do levantamento. A pesquisa mostrou o petista 21 pontos a frente do presidente da República, com uma vitória de Lula no primeiro turno.

Os assessores de Bolsonaro entendem Paulo Guedes como culpado, porque o ministro não aceita subsidiar de forma temporária os combustíveis, o que diminuiria o valor pago pelo consumidor final.

Atualmente, Guedes é o responsável pela questão dos combustíveis no governo. Ele indicou o novo ministro de Minas e Energia, após a saída de Bento Albuquerque, e também emplacou o terceiro presidente da Petrobrás, cujo nome ainda precisa ser aprovado.

Ao mesmo tempo, a ala política do governo pressiona o ministro por uma mudança imediata da economia, com medo de que esse seja um fator decisivo na eleição presidencial. Segundo Andréia Sadi, os aliados de Bolsonaro argumentam que, para frear Lula nas pesquisas, o único caminho é subsidiar os combustíveis.

De acordo com a jornalista, os aliados de Bolsonaro têm dito que é a “economia que elege e derruba presidente”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos