Aliança para inovação tecnológica em clubes é lançada; Vasco é um dos fundadores

Bruno Marinho

O Vasco faz parte, como clube fundador, da Aliança de Inovação Esportiva, uma iniciativa pioneira que une outros nove clubes do futebol mundial. O grupo se junta em busca soluções no setor de inovação tecnológica no futebol.

Além do Cruz-maltino, fazem parte da Aliança o Real Sociedad, da Espanha, que está à frente do grupo, o Feyenoord, da Holanda, o Cagliari, da Itália, o Legia, da Polônia, o Peñarol, do Uruguai, a Universidad Catolica, do Chile, o Atlético Nacional, da Colômbia, o Sporting Cristal, do Peru, e o Al-Ittihad, da Arábia Saudita.

De acordo com Bruno Maia, ex-vice-presidente do marketing do Vasco e responsável pela inclusão do clube de São Januário na aliança, a parceria deverá trazer dividendos para o Vasco no futuro:

- É uma coisa para o futuro do clube, uma variável em que os clubes vão estar inseridos na próxima década, não tenho dúvida. Esses clubes serão grandes potencializadores dessa história. Isso não significa que o Vasco vai estar bombando em tecnologia, mas o clube já está se posicionado dentro desse contexto. Conseguir juntar todos esses clubes vai dar uma primazia a eles no cenário internacional.

O ex-dirigente explicou em linhas gerais como essa aliança pode funcionar na prática: startups podem desenvolver soluções tecnológicas para demandas dos clubes e levar para a Aliança de Inovação Esportiva. Os clubes integrantes do grupo podem decidir se vale a pena ou não financiar o desenvolvimento do produto oferecido. O Vasco, como clube fundador, terá condições mais favoráveis para fechar negócios do que os que entrarem posteriormente.

Para se ter uma ideia, clubes como Barcelona e Liverpool já financiam o desenvolvimento de novas tecnologias para suprir suas necessidades e gerar novas opções de negócios.