Aluna é expulsa de faculdade na Bahia após publicação racista nas redes sociais

Aluna foi expulsa por comentários racistas no Twitter - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Aluna foi expulsa por comentários racistas no Twitter - Foto: Reprodução/Redes Sociais
  • Aluna foi expulsa de faculdade particular em Feira de Santana na última terça-feira

  • Decisão foi tomada após publicações racistas da jovem nas redes sociais

  • Alunos chegaram a protestar e pediram a saída da estudante antes do anúncio da expulsão

Uma jovem foi expulsa da faculdade em que estudava em Feira de Santana, na Bahia, na última terça-feira (20), após fazer comentários racistas em uma rede social.

A estudante, identificada no Twitter como Bia Lobo, escreveu na rede que "odeia o Lula", porque ele "inventou o Fies e colocou um monte de desgraça na minha faculdade".

Um outro usuário, identificado como "Geras", comentou na publicação: "KKKKKKKK um monte ** *****". Ao que a jovem questionou: "Pobre ou preto?".

A mesma estudante, dias antes, escreveu também no Twitter que "odeia gente ****a", o que foi interpretado como uma mensagem racista pelas pessoas, que entenderam que ela falava de "gente preta".

Após a repercussão negativa e as críticas às mensagens, a aluna ainda ironizou. "A animação da noite é rir destes tuites", escreveu.

Expulsão anunciada e festa dos alunos

Apesar da ironia da protagonista, o caso repercutiu entre os alunos do Centro Universitário Nobre - Unifan, que realizaram um protesto em frente à faculdade na terça e pediram a expulsão da aluna.

Momentos mais tarde, o pró-reitor da instituição, Gustavo Checcucci, realizou um pronunciamento em frente aos estudantes, no qual comunicou o desligamento da jovem.

"A gente teve conhecimento dos fatos hoje pela manhã, o conselho se reuniu para discutir o que estava acontecendo, e já foi tomada uma medida. A aluna não faz parte mais da instituição", disse, antes de ser aplaudido pelos alunos.