Alunos do ensino superior poderão voltar às aulas presenciais a partir de 7 de outubro

·1 minuto de leitura
SÃO PAULO, SP - 27.04.2020: DORIA ANUNCIA 100 NOVOS LEITOS NO HC - The Governor of the State of São Paulo, João Doria announces during a press conference, this Monday (27th), another 100 new beds at Hospital das Clínicas, to attend patients with the new coronavirus (covid-19). He also reported that the social isolation rate reached 58% on Sunday (26). In the photo, Mayor Bruno Covas during a press conference at Palácio dos Bandeirantes. (Photo: Aloisio Mauricio/Fotoarena)(Sipa via AP Images)
Prefeito Bruno Covas ainda apresentou resultados do inquérito sorológico com estudantes das redes pública e privada (Foto: Aloisio Mauricio/Fotoarena/AP Images)

O prefeito Bruno Covas (PSDB) autorizou que alunos do ensino superior de São Paulo voltem a ter aulas presenciais a partir do dia 7 de outubro. A medida vale para ensinos público e privado.

"Não tem mais sentido, com os dados que nós temos, continuar a proibir o ensino superior na cidade de São Paulo”, afirmou o prefeito nesta quinta-feira, 17.

Em relação aos ensinos Infantil, Fundamental e Médio, a reabertura acontecerá apenas para atividades de reforço, também no dia 7 de outubro. “E em relação aos alunos de 0 a 17 anos, de responsabilidade do município, estado e rede privada, vamos liberar a partir de 7 de outubro as atividades extracurriculares".

A definição sobre o retorno das aulas presenciais para esses alunos só deve ser divulgada em novembro.

Leia também

Na coletiva, Bruno Covas ainda anunciou os resultados do inquérito sorológico, feito em alunos das redes pública e privada. Mais de 244 mil alunos da capital paulista já tiveram contato com o novo coronavírus. Entre eles, 66% são assintomáticos.

A conclusão é de que 16,5% dos estudantes da cidade de São Paulo tem anticorpos para a Covid-19.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos