Alunos de medicina nos EUA protestam contra professora antiaborto e abandonam cerimônia; veja vídeo

Dezenas de estudantes de medicina da Universidade de Michigan abandonaram uma cerimônia em protesto contra a presença de uma dos oradoras, uma médica antiaborto. O episódio aconteceu neste domingo, durante uma cerimônia do jaleco branco, que marca a entrada dos alunos na faculdade de medicina.

Entenda: o que é a Roe vs. Wade, que garantia o direito ao aborto nos EUA com base no direito da mulher à privacidade

Vídeo: Deputados são presos nos EUA durante protesto em favor do aborto

Um vídeo do momento foi compartilhado nas redes sociais. Ele mostra quando um grupo de estudantes, vestindo jalecos brancos, se levantam, após a chegada da médica Kristin Collier. Veja abaixo:

Collier é conhecida na universidade por suas posições contrárias ao aborto. Quando foi anunciado que ela seria uma das oradoras do evento, um abaixo assinado foi organizado por alunos para que ela não comparecesse a cerimônia. Ao todo, foram reunidos 420 assinaturas contra a presença da mulher.

"Mantendo uma visão de feminismo onde se luta pelos direitos de todas as mulheres e meninas, especialmente aquelas que são mais vulneráveis. Não posso deixar de lamentar a violência dirigida às minhas irmãs pré-natais no ato do aborto, feito em nome da autonomia", escreveu a professora em um tweet de maio.

Collier é professora assistente e diretora do programa de Saúde Espiritual e Religião da instituição. Segundo a universidade, ela foi "escolhida como oradora principal da Cerimônia do Jaleco Branco de 2022 com base em indicações e votação de membros da U-M Medical School Gold Humanism Honor Society, que é composta por estudantes de medicina, oficiais da casa e professores".

A Universidade de Michigan disse ainda, em nota, que continuará a oferecer assistência ao aborto, ainda legal no estado, apesar da recente decisão da Suprema Corte que derrubou a garantia de acesso ao procedimento em todo o país.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos