Amapá fica sem luz cinco meses após apagão, diz senador. Energia foi parcialmente restabelecida

Fernanda Trisotto
·1 minuto de leitura

BRASÍLIA – Após cinco meses do blecaute que deixou o estado mais de uma semana no escuro, o Amapá voltou a registrar um apagão nesta quinta-feira. O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) informou, durante sessão, que 14 das 16 cidades do estado estavam sem energia. Cerca de uma hora depois, o fornecimento havia sido parcialmente restabelecido em três municípios, inclusive a capital, Macapá.

— Nós estamos vivendo no Amapá, lamentavelmente, um novo apagão - informou o senador em vídeo.

Ele cobrou explicações da Eletronorte e da Linhas de Macapá Transmissora de Energia (LMTE), concessionária responsável pela administração da linha de transmissão que havia falhado há cinco meses.

Por meio de nota, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), responsável por monitorar o fornecimento de energia em todo o Brasil, confirmou que houve uma interrupção de carga no sistema elétrico que atende o estado às 18h34. O ONS iniciou o processo de recomposição às 19h02.

“O ONS reitera que, assim que identificou o problema, atuou prontamente para restabelecer o mais rápido possível o fornecimento de energia na região. O ONS avaliará as causas da ocorrência junto aos agentes envolvidos”, diz a nota.

Procurada, a Eletronorte informou que não havia problemas em sua usina.