Amazon abre 55 mil vagas em todo o mundo

·1 minuto de leitura
Projeto de expansão de banda larga é o grande motivador das contratações. Foto: Getty Images.
Projeto de expansão de banda larga é o grande motivador das contratações. Foto: Getty Images.
  • Os postos de trabalho são em tecnologia e funções corporativas

  • Maior parte das vagas serão oferecidas nos EUA

  • Projeto de expansão de banda larga é o grande motivador das contratações

A Amazon vai abrir 55 mil de trabalho em todo o mundo nos próximos. O anúncio foi feito por Andy Jassy, presidente-executivo da companhia. Com um contingente atual de mais de 275 mil funcionários em diversos países, as novas contratações representam um aumento de 20% na equipe global da empresa.

Um grande motivador por trás do recrutamento de tantos profissionais é o Projeto Kuiper. O programa exigiria um aumento considerável na equipe de acordo com Jassy, que está no comando da empresa desde o último mês de julho. O novo empreendimento da Amazon consiste em lançar satélites em órbita para expandir o alcance da banda larga.

Leia também:

Segundo o executivo, a expectativa é que a feira anual de empregos da Amazon traga parte dos profissionais requisitados — o evento vai ser realizado no dia 15 de setembro. Jassy também indicou que mais de 40 mil vagas serão oferecidas nos Estados Unidos, enquanto o restante será espalhado por países como Alemanha, Japão e Índia. Os cargos serão oferecidos em setores corporativos e tecnológicos, como engenharia, ciência de pesquisa e robótica.

O anúncio aparece em meio a denúncias trabalhistas à companhia — recentemente, uma ex-funcionária da Amazon moveu uma ação após ter sido demitida por ir vezes demais ao banheiro. No início de 2021, um protesto também foi organizado por funcionários no estado americano do Alabama.

As informações são da CNN Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos